perdendo virgindade

perdendo virgindade, Não perdeu tempo e foi logo me agarrando por trás, posicionado o seu pau na entrada da minha cona, quando o interrompi e lhe mostrei o óleo. Passei em toda a estensão daquele pau enorme Não aguentei de tesão quando vi a sua cara de espanto misturado com uma imensa satisfação, nunca vi uma cara tão safada como aquela. Ele tirou o óleo da mão e começou a lambuzar-me o rabo todinho, com especial atenção no cuzinho e daí a nada senti aquele caralho enorme a tentar entrar. Pedi-lhe para ter calma e ser meigo, e foi enfiando devagarinho.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*